Cinco informações que você precisa saber sobre a escoliose

Considerada um desvio anormal da coluna vertebral, a escoliose pode ter origem congênita (de nascença), neuromuscular ou idiopática (sem causa definida).  Embora ela não costume gerar dor, sendo tratada com a reeducação postural e uso de coletes, há casos graves em que apenas com cirurgia é possível corrigir o desvio.

Para esclarecer a população sobre a doença,

Vídeo – Escoliose: um desvio anormal da coluna

A escoliose é considerada um desvio anormal da coluna vertebral (para o lado esquerdo ou direito do corpo) e pode ter diversas causas: congênita, neuromuscular ou idiopática (sem causa definida). No entanto, independente da origem, maus hábitos de postura podem favorecer ou agravar o problema.

O sedentarismo em geral; as muitas horas em frente à televisão,

Postura correta ajuda a prevenir a escoliose

A escoliose é considerada um desvio anormal da coluna vertebral (para o lado esquerdo ou direito do corpo) e pode ter diversas causas: congênita, neuromuscular ou idiopática (sem causa definida). No entanto, independente da origem, maus hábitos de postura podem favorecer ou agravar o problema.

O sedentarismo em geral; as muitas horas em frente à televisão,

escoliose

Toda curvatura de coluna é escoliose?

A coluna vertebral é formada por quatro curvas fisiológicas: a cervical, torácica, lombar e a sacra, consideradas naturais e normais da estrutura do nosso corpo. No entanto, quando estas curvaturas apresentam desvios posturais, que podem estar relacionadas à má postura e fatores congênitos (ou por: diversos fatores, explicados abaixo), influenciando na estética e na qualidade de vida da pessoa,